Best Life Saúde

Plano de saúde empresarial e os adicionais de insalubridade nas cargas

Cargas

Quando falamos sobre benefícios empresariais, não podemos deixar de falar sobre dois grandes protagonistas: plano de saúde e adicional de insalubridade. Essas são duas maneiras de recompensar os trabalhadores e dar uma atenção para a sua saúde.

Sabemos que as possibilidades de benefícios organizacionais são muito extensas, certo? Enquanto alguns deles são obrigatórios, outros são escolhidos de forma opcional pelas empresas. Porém, qualquer que seja a situação, o nome já deixa bem claro: eles fornecem uma série de benefícios aos colaboradores.

Neste artigo vamos focar na avaliação da relação entre o plano de saúde empresarial e o adicional de insalubridade nas cargas. Acompanhe.

Os benefícios para colaboradores

Quando falamos sobre a remuneração de funcionários, logo pensamos sem salário. Mas, na prática, as recompensas pelo trabalho podem ir muito além disso, não é mesmo?

Principalmente considerando a tendência no mercado, é uma questão de oferecer benefícios atrativos para os colaboradores. Além disso, também devemos considerar que alguns dos benefícios são obrigatórios por lei.

Os benefícios obrigatórios são aqueles adquiridos por lei. Ou seja, são aqueles que todas as empresas que contratam um funcionário no regime CLT devem conceder. Eles incluem:

  • Vale-transporte
  • Décimo terceiro salário
  • Férias remuneradas
  • FGTS
  • Adicional de insalubridade e / ou adicional de periculosidade para profissionais que exercem funções em que corram certos riscos
  • Adicional noturno para colaboradores que trabalham entre 22 he 5 h Já os benefícios opcionais podem ou não ser oferecidos pelas empresas para seus contratados. Veja alguns benefícios benefícios:
  • Vale-alimentação
  • Vale-refeição
  • Plano de saúde
  • Plano odontológico
  • Vale-cultura
  • Bolsas de estudo
  • Auxílio-creche

É importante frisar que quando esses benefícios opcionais são concedidos aos colaboradores em contrato, eles não podem ser retirados – a não ser devido a um acordo coletivo.

Relação entre plano de saúde e adicionais de insalubridade

Conforme acabamos de ver, o adicional de insalubridade é um benefício obrigatório que deve ser pago para profissionais que exercem atividades de risco. Já o plano de saúde é um benefício opcional que facilita o acesso ao atendimento médico.

Apesar de funcionarem de maneiras bastante diferentes, ambos benefícios têm como um saúde do colaborador. Além disso, é importante ressaltar que eles podem ser recebidos em conjunto. Ou seja, um profissional que recebe adicional de insalubridade também pode ter um plano de saúde – e utilizar seus serviços em casos de acidente de trabalho, por exemplo.

Vamos entender os melhores conceitos de adicional de insalubridade e plano de saúde?

Adicional de insalubridade

O adicional de insalubridade é um benefício que deve ser pago aos colaboradores que exercem atividades em que são expostos a riscos – que são atribuídos pela Norma Regulamentadora 15 (NR-15). Entre eles estão: ruído contínuo e de impacto, calor e frio, vibrações, umidade e agentes biológicos.

Para calcular o adicional de insalubridade, é preciso fazer um cálculo que varia conforme o grau de risco ao qual o colaborador e submetido – começando em 10% para grau mínimo, 20% para grau médio e 40% para grau máximo de risco.

Plano de saúde

O plano de saúde é um dos benefícios opcionais mais concedidos pelas empresas e mais valorizado pelos funcionários. Trata-se de um plano de serviços de assistência médica – que podem variar conforme a abrangência da cobertura. Em alguns casos, o próprio colaborador pode escolher os serviços que deseja.

Ao oferecer o plano de saúde, algumas empresas optam por descontar o valor do salário do profissional. Porém, os mesmos casos, ele paga menos do que se contratasse um plano particular, pois os planos empresariais costumam ser mais em conta do que os indivíduos e a empresa cobre boa parte do custo.

Você já conhecia a relação entre os planos de saúde empresariais e os adicionais de insalubridades? Ficou com dúvida sobre o assunto? Deixe o seu comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *